5 mitos do cartão de crédito

Eles são seguros e podem ser usados até para parcelar contas de luz, água e Ipva por exemplo. Desvende cinco mitos do cartão de crédito agora mesmo!

Ele já pode ser considerado indispensável no atual cenário econômico. Seja pela facilidade no uso ou pelas vantagens que oferece, o cartão de crédito tornou-se presença certa em carteiras, bolsas e bolsos. Porém, mesmo tão comum, o cartão de crédito ainda causa dúvidas e está cercado de mitos. Você sabia, por exemplo, que é possível parcelar uma conta de luz em até 12 vezes com o seu cartão? E que ele pode ser seu maior aliado no controle do orçamento?

A seguir, selecionamos cinco informações que ainda podem ser encaradas como verdadeiras por parte dos usuários dos cartões de crédito para mostrar que são mitos. Confira e descubra que, cuidando bem do seu “dinheiro de plástico”, ele só proporciona vantagens, facilidade e comodidade.

Cartão de crédito não é seguro?

Com notícias e casos cada vez mais recorrentes de fraudes em cartões de crédito, dúvidas sobre a segurança do sistema são comuns. Porém, eles são seguros e tornam-se ainda mais quando você, como usuário, toma os devidos cuidados. A mesma praticidade que tornou o uso do cartão de crédito tão comum também pode chamar a atenção de criminosos, portanto é importante ter atenção no dia a dia para evitar dores de cabeça e garantir total segurança.

Ao fazer compras na internet, por exemplo, escolha sites confiáveis e lojas com boa reputação. Verifique se o site possui o símbolo de um cadeado no navegador, essa é uma garantia a mais de segurança nas transações. Em caso de dúvidas sobre a confiabilidade, não faça a compra. Ainda em relação ao ambiente online, evite deixar os números do cartão gravados em sites e informe os dados apenas no momento de fechar a compra, nunca antes.

Já no dia a dia, outras dicas básicas de cuidado são capazes de evitar transtornos. Guarde o cartão em local seguro e evite senhas com datas de aniversários ou placas de carro e nunca as informe a terceiros. Se perder o cartão, registre ocorrência na delegacia e informe à administradora.

Ele é o vilão do orçamento?

Definitivamente não! O cartão de crédito deve ser encarado com aliado das finanças. Porém, mais uma vez a forma de usá-lo é o que vai ajuda no controle e no planejamento financeiro. A dica mais valiosa para o uso consciente: o cartão não é um complemento da renda! Deixar para pagar depois pode ser muito vantajoso, mas é necessário lembrar-se que a futura vai chegar no mês seguinte e deve caber no seu orçamento.

Tenha controle dos gastos, saiba sobre as compras realizadas e suas parcelas. Caso considere-se descontrolado nas finanças, o melhor é ter apenas um cartão para conseguir controlar as despesas com mais facilidade.

Quando o cartão de crédito é aliado do bolso, você ainda consegue alguns benefícios como programas de pontos e prazo para pagamento de uma compra até 40 dias depois. Ele existe para ser amigo, não transforme seu cartão em um vilão.

Todos os cartões de crédito são iguais?

Não mesmo! É importante conhecer suas necessidades para identificar qual se encaixa melhor ao perfil. Os cartões não são diferentes apenas em relação às bandeiras, mas a atenção na hora da escolha deve ficar também nas taxas de juros, áreas de utilização e até mesmo em possíveis programas de benefícios.

Basicamente há quatro modelos de cartões: nacionais, internacionais, gold e platinum. Suas diferenças estão nos locais de aceitação (dentro ou fora do país), valores de anuidade, benefícios e serviços aliados e, ainda, movimentação financeira do cliente.

Pagar o valor mínimo do cartão alivia o orçamento?

Se tiver controle financeiro (não encarando o cartão como vilão, lembra?!), essa questão nem vai passar pela sua cabeça, muito menos pelas suas contas. Pagar o valor mínimo não é e nunca será algo que ajuda nas finanças. Pelo contrário: um ciclo de pagamentos do valor mínimo é uma bola de neve crescente e sem fim, com valores se acumulando e cada vez mais distantes do orçamento.

O planejamento financeiro, com o pagamento do valor total dentro do que cabe no bolso, é a melhor opção. Os juros em cima de juros que o pagamento mínimo causa são grandes vilões para quem quer equilibrar as contas. Evite ao máximo cair nessa armadilha.

Não é possível parcelar contas de luz, água, Ipva e telefone com o cartão de crédito?

Isso foi verdade até pouco tempo atrás, mas agora é um mito! Quando o orçamento aperta, as contas do dia a dia podem acabar se acumulando e os serviços interrompidos. Estamos falando das contas como água, energia elétrica, gás, telefone e internet. Essas contas já podem ser pagas com cartão de crédito e divididas em até 12 vezes para dar um alívio nas finanças e não atrasar nenhum pagamento.

Como? Com o Deixaqueeupago, uma plataforma que já está ajudando na organização das contas de famílias em todo o país. O sistema funciona como um intermediário entre quem quer pagar e as empresas que querem receber, proporcionando facilidade no pagamento ao cliente.

Para pagar e parcelar as contas com o cartão de crédito, basta acessar o site www.deixaqueeupago.com.br, enviar a conta que deseja pagar e aguardar a proposta de quitação que é enviada em até 24 horas. Aceitando, a conta é paga integralmente no mesmo momento pelo Deixaqueeupago e o usuário pode parcelar em até 12 vezes com taxas de juros que variam de 2.99% a 5.99% ao mês. Ou seja, agora já é possível pagar e parcelar qualquer tipo de conta com os cartões de crédito! Acesse o site do Deixaqueeupago para conheça melhor essa novidade e fazer uma simulação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s